Woof Woof

Agora que estou oficialmente admitida na UW, tenho que começar a correria pra conseguir tudo o que preciso pra me registrar nas matérias.
Olha as regras interessantes:

1) Preciso provar que tenho nível suficiente de inglês e isso significa escrever uma prova de 3 horas lá mesmo e se não o fizer, 5 matérias de inglês caríssimas me esperam – o mais interessante é que o nível dessas matérias de inglês é mais baixo (porque é inglês como segunda língua) do que o nível das matérias de inglês (que é composição para americanos mesmo) que eu cursei na BCC. Eu estaria isenta desse requerimento se: a) tivesse cidadania americana (duh, como se todo cidadão falasse inglês) b) se eu tivesse o diploma de 2 anos que a BCC oferece. Eu tinha direito a pedir o tal diploma e inclusive eu tenho créditos suficientes, mas como eu tinha que cursar mais duas matérias de cálculo eu resolvi deixar pra lá.. (em microbiologia eu não preciso cursar cálculo, só se eu quiser) – então basicamente não fui isenta por causa de matemática!!! No entanto, apesar de uma inconveniência, não estou nem um pouco preocupada com essa prova..

2) Essa bendita matéria de cálculo deu um trelelê danado. Eu sabia que eu precisaria cursar alguma matéria de matemática, nem que fosse álgebra com nível de segundo grau, mas pra poder cursar qualquer matéria de matemática, inclusive estatística, teria que fazer uma prova de nivelamento (assim como já tive que fazer na BCC e assim como essa prova no #1 é de certa forma de nivelamento também) mas eu queria me preparar bastante, me lembrar das benditas funções e matrizes que eu não me lembro nem um pouco..simplesmente porque eu não queria tirar nota baixa e então ter que fazer um monte de matéria de matemática. Eu sei que eu aprendi o suficiente pra ser nivelada direto pro cálculo, então é isso o que eu quero fazer – so preciso relembrar tudo de novo. Acontece que em janeiro, quando eu apliquei pra UW, eu disse pra eles que eu ía cursar a primeira matéria de cálculo antes de transferir – mas nunca fiz isso – e por causa disso eles nunca olharam pras minhas matérias de matemática do segundo grau que são suficientes pra me garantir a entrada na Universidade. Eu precisava de 3 anos de matemática e nós todos no Brasil cursamos 3 anos de matemática no segundo grau. Só que aí eles me mandaram uma cartinha dizendo que se eu não provasse que tinha feito cálculo que eles íam retirar a admissão – olha o perigo!!! Liguei pra lá e avisei do absurdo, afinal, nem a UW ou nenhuma universidade te obriga a ter cálculo pra entrar, mas a conselheira de admissão me explicou que como eu tinha todos os pre-requisitos satisfeitos aqui mesmo nos Estados Unidos, que eles nem tinham lido meus históricos do Brasil! Duh! Pelo menos isso já está resolvido.

3) Preciso provar que sou imune ao Sarampo! Droga!!!!! Eu tinha esperança que durante meu pré-natal eu tivesse feito algum exame que mostrasse isso como fizeram o de Rubella, mas achei o resultado aqui em casa e não tinha nada de sarampo. Também tentei desesperadamente achar minha carteirinha de vacinação no Brasil e nem eu nem minha mãe achamos. Na verdade eu nunca vi essa carteira na vida e nem sei como se parece ou que vacinas eu tomei na vida. Normalmente minha memória visual é muito boa, mas minha mãe tem certeza absoluta que tirou cópia e me deu (então onde está a original?) … basicamente a carteira desapareceu pra todo sempre e só vamos descobrir agora quando uma de nós nos mudarmos de casa. Por causa disso vou ter que tirar sangue. Nãããããããããããããããããããããããããão!! (insira eco)

4) vou ter que pagar uma taxa de $250 pra garantir minha vaga, prática comum também no Brasil. Mas essa taxa inclui várias reuniões, tours e festinha pros alunos que estão entrando. Mesmo sendo aluna de transferência e não caloura, preciso participar desses eventos já que em uma dessas reuniões me sentarei com uma conselheira que vai decidir comigo quais são as matérias que eu devo fazer nos próximos dois anos, quando me formo (em Junho de 2009). Eu já sei todas as matérias que eu quero fazer: ~30 créditos de microbiologia obrigatórios (uma em cada período, durará 6 períodos que equivale a dois anos exatos. Vou ver se posso pegar mais do que uma por período pra terminar mais rápido – elas não são pre-requisitos delas mesmas), mais duas matérias de física (eca), mais uma matéria de matemática (eca, mas pelo menos é só uma) e dois perídodos de bioquímica. O resto é tudo eletiva.. preciso fazer só umas duas eletivas “obrigatórias de microbiologia” que eu escolho de uma lista enorme, e o resto são eletivas pra completar 180 créditos e aí eu posso escolher qualquer coisa que a UW ofereça. No meu caso, vou escolher matérias de Ética Médica, (4 ou 5 matérias) porque escolhi esse minor. Minor é como se fosse uma segunda ênfase para o seu diploma e não é obrigatório, mas eu acho interessante fazer: no meu diploma vai vir escrito que tenho Major em Microbiologia com minor em Ética Médica. Legal, não? Minors não precisam ter relação nenhuma com a major, e eu realmente poderia escolher qualquer coisa para meu minor, como música, línguas, etc…

Curiosidades: Essa universidade que é chamada de U-dub no dia-a-dia, foi fundada em 1861 e hoje tem cerca de 45 mil alunos (~30 mil de bacharelado e 15 mil de pós graduação). É uma instituição de ensino pública e considerada uma das melhores do país, principalmente em medicina: A U-dub vem sendo número 1 dos Estados Unidos em Primary Care (clínica geral) por anos, e uma das melhores em pesquisa médica também. Enfermagem também é número 1. Eu sei que outros departamentos também estão lá no topo, como física nuclear e bioengenharia (que eu só não considerei seriamente porque eu odeio matemática de montão), mas eu só tenho melhores detalhes da área de medicina mesmo. Bill Gates e outros investidores locais (O pai do Bill Gates é um dos 10 Regentes da Universidade) estão sempre fundando pesquisas nessa universidade, inclusive um prédio de Bioengenharia maravilhoso acabou de ser construído e inaugurado, com os cumprimentos de Mr. Gates. O interesse dele? Nanotecnologia. Eu acho o máximo! Tem alguma coisa que esse homem não faz?

O mascote da UW é um Husky e os alunos e ex-alunos são chamados de “huskies” assim como os times esportivos da universidade. Os times mais bem sucedidos em competições pelos EUA são o futebol americano, vôlei feminino, basquete e canoagem e as cores da Universidade são roxo e dourado. A universidade está encravada no meio da cidade de Seattle (seus prédios são espalhados por uma região de 650 acres- mais ou menos 2.8 km quadrados) com ótimos restaurantes, bibliotecas e museus a alguns passos das salas de aula. Minhas aulas serão todas (exceto matemática e física) no prédio enorme de Medicina ou UW Medical Center – uma vez me perdi feio lá dentro!

Em agosto, quando minha mãe e padrastro estiverem aqui, pretendo fazer um tour com eles pelo campus guiadas por um sistema de MP3 e aí sim terei fotos legais pra mostrar daquele campus enorme, imponente e maravilhoso. Eu espero fazer muito bom proveito dessa chance que me foi oferecida.

Foto do prédio que eu vou estudar, o Medical Center, tirada do site da Universidade de Washington.