O espírito de Natal tá fraquinho, fraquinho aqui em casa. A coisa já não começou muito bem quando eu montei a árvore no final de semana de ação de graças. Pela primeira vez, a árvore ficou na sala da parte de trás da casa, e não na sala de estar. Nos outros anos, ela ficava lá, lindona, na frente da janelona que dá pra rua para que todos pudessem ver. Especialmente para o meu deleite já que passo a maior parte do tempo naquela sala.

E esse ano, porque eu mudei a posição dos móveis, ficaria impossível arrumar espaço no mesmo lugar. Então ela ficou confinada, esquecida, perto da cozinha. Eu sempre olho pra ela, mas já não suspiro como costumava. Eu não sei explicar, mas em vez de eu ficar animadíssima, eu olho pra ela e sinto pena.

A mesma coisa pra noite de Natal. Aqui em casa todo mundo já abriu os presentes antes do tempo. O meu, uma cafeteira de expresso Barista do Starbuck’s, já esta sendo usado diariamente há umas duas semanas; o presente do Thomas foi aberto num momento de desespero quando estávamos sem luz e eu precisava entreter o menino naquela escuridão; o do Robert vai ser um xbox, mas ele já sabe o que é, então não vai ter surpresa nenhuma.

Será que viramos uns Grinches e acabamos com o Natal?

Vou comprar um outro presente pro Thomas. OutroS. Pequenos, pra ele ter o prazer de abrir na véspera do Natal, ou na manhã de Natal como fazem por aqui. Ele está esperando tanto pelo Papai Noel que se eu simplesmente aparecer com presentes debaixo da árvore ele vai se perguntar em que momento do dia o Papai Noel apareceu. Talvez seja mais legal deixar ele acordar e ir correndo pra sala abrir os presentes.

E o cardápio pra noite de Natal está meio capenga. Não sei o que fazer e tenho raiva de quem sabe. Acho que vou fazer um bacalhau (ou bolinhos de), uma perna de carneiro e talvez um presunto. Mas não estou empolgada, sei lá. Tenho que ir no mercado reabastecer a geladeira e comprar essas coisas pro Natal, mas eu estou aqui de camisola às 11:30 da manhã.

 

8 Responses to O jornal tá caro, caro pra chuchu…

  1. rosilande says:

    Depois de um relato tão legal sobre solidariedade e como é legal sair da rotina e curtir a família, os bichinhos e o contato caloroso com as pessoas, estrelas e coisas simples, porém, que nos traz paz e alegria. Com certeza você irá se animar, fazer uma bela ceia, encantar seu filhinho com presentes e se animar. Um Feliz Natal para vocês e uma maravilhos 2007.

  2. Tia Marina says:

    Princesa,
    Sai dessa!!!
    A árvore já está arrumadinha. Vamos deixá-la onde está. Mas… que tal arrumar um belo de um presépio no local mais visível da casa? Faça isto junto com o Thomas. Aproveite e conte, uma historinha animada, curtinha, cheia de músicas, e coisas engraçadas. Por exemplo, o tombo do Papai Noel quando foi visitar o Menino Jesus na manjedoura levando de presente uma guitarra máagica!!! Minha nossa! Ele ficou de pança virada para o ar. E que força teve que fazer para se levantar junto com o saco de presentes.
    Solte sua imaginação, mas faça três crianças(Robert, Lu, Thomas)felizes nesse Natal.
    Ah! quanto aos presentinhos surpresa não esqueça de prepará-los, mas que sejam surpresas de verdade. Coloque-os em umas caixas, meiões ou sacos coloridos,com belos laçarotes de fita. Aquelas bobaginhas que todos nós temos vontade de ganhar ou comprar,mas ainda não temos. De chicletes a camiseta do time predileto, calcinhas sex, sex, sex… batons, brinquedinhos, livros, revistinhas, docinhos, figurinhas etc, etc… Para cada criança as suas besteirinhas sonhadas. Coisas simples e baratas, inventivas (cartão com beijinhos feitos com boca pintada de batom, marca das patinhas da “fauna” doméstica. Use a cachola e SURPREENDA!!!!! Mas nada de traição. Não dá para ser inventivo se não houver a cumplicidade do segredo. Não estrague tudo. Não se denuncie: -Nesse Natal vamoçs ter uma surpresa, advinha!!! Pelo amor do bom Deus! Menos!
    Quanto à Ceia, chega. Já tem coisas demais. Só está faltando mesmo as rabanadas. Faça como sua avó. Na tardinha da véspera do Natal ela fritava as rabanadas e eu e sua mãe ficávamos esperando a “prova”. Aí ela fingia que umas tinham queimado a beirinha, ou que tinha quebrado, ou que não estava tão bonita como as outras e…
    – Marina, Glória esperem esfriar um pouco e provem para ver se está bom.

    Meu Deus! Nada mais gostoso do que aquelas rabanadas. Difícil era esperar esfriar.
    Até hoje, na tarde do dia 24, não deixamos de fazer nossas rabanadas. Ela nos fazem lembrar os encantos de nossa infância.
    Finalmente, não esqueça o seu momento de comunhão com os benfeitores superiores. A Vida Superior conspira em favor da verdadeira felicidade de nós, humanos. Mas é preciso que façamos a nossa parte.
    É isso menina! Não espere, faça acontecer.
    Que a Noite de Natal, em sua casa, seja inesquecível por suas alegrias e suavidade.
    Deus a abençõe.

    Tia Marina

  3. Camila says:

    Aqui em casa o espirito tambem esta fraquinho, fraquinho…
    To doida pra comprar essa cafeteira de expresso… Voce esta gostando?
    Bom, espero que voce se anime… Feliz Natal pra voces!
    Beijocas

  4. raquel says:

    Luciana,

    So pra voce se conformar e curtir o seu Natal … Eu estava com viagem marcada para o Brasil na quinta feira (ontem), passagem na mao desde agosto, todos os presentes empacotados, a mala pronta , a tensao da viagem … e na segunda feira as 5 da tarde recebi a noticia da minha advogada , dizendo que a Imigracao requereu mais documentos no meu processo e que eu nao poderia sair do pais ate que eles se manifestassem, ou melhor sai eu ate podia, mas voltar ia ser fogo … Chorei oceanos, oceanos … tenho vontade de puxar a barba do bom velhinho e dizer que ele foi muito mal comigo, tenho vontado de gritar quando ouco musicas natalinas e as luzinha de Natal entao queria que todas queimassem … ate agora nao falei Happy Holidays pra ninguem … nao consigo demonstrar alegria quando nao a sinto e no fundo acho que Natal virou um pouco de obrigacao … Obrigacao de achar as pessoas legais, de ser legal, bla,bla,bla … mas e isso .
    Curta seu Natal ao lado das pessoas que ama … e eu vou beber o suficiente para so acordar no ano novo… e sem feliz Natal, ok.

    Beijos

  5. raquel says:

    ahhh, desculpa e mau com U …rs …esquencendo o portugues …que chique …kkk

  6. ayla says:

    LLuuucciiiaaaanna, nima aí mulher !!!! O mais importante do natal, é vc rezar e pedir paz..sabe pq??? Pq nesse momento muitos coracãoes, pelo mundo estão vibrando coisas boas, e essa energia positiva, vai ajudar nosso planetinha..sendo assim, esqueca os presentes, a comida a encanacão…e reze, agradeca, o filho lindo, o marido maravilhoso, a vida que vc tem…E sendo assim…UUMMM FELIZ NATAL PARA VC E TODA FAMILIA!!!! De sua leitora diária, mas que nao comenta, pq nao acha legal comentar um livro..rs beijos

  7. Luciana, virei fã da tia Marina segui a risca o comentario doce que ela ti mandou, não dará outra você animará na certa; Feliz Natal!!!!!!!!

    beijos

  8. Melissa says:

    Lu, chwguei aqui atrasada, mas espero que voce tenha achado forca/inspiracao no lindo sorriso do seu filho, no abraco amoroso do seu marido, no olhar carinhoso da Gwen ou no jeitinho manhoso do Max… Estes “pequenos” milagres que muitas vezes passam despercebidos no nosso dia-a-dia, nos dao uma energia tao grande!!!
    Espero que tenha encontrado a sua e que de um jeito ou de outro tenham tido um Natal especial!
    Grande beijo! Linda sua arvore!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *