Coisas malucas

Primeiro de tudo: eu não me responsabilizo por nenhum plano meu feito enquanto grávida! Minhas idéias maravilhosas mudam tão rápido quanto eu mudo de roupa, então acho melhor eu me concentrar no presente que eu acerto mais.

Segundo, pela primeira vez na minha vida, me dei conta que estou envelhecendo. Cabelos brancos, rugas, que nada! O problema é ter ciência de que se eu quisesse ter mais filhos, por exemplo, eu teria que tê-los LOGO. Eu não pretendo engravidar de novo (ainda gostaria de adotar no futuro), mas ter a noção de que eu não posso me dar ao luxo de ficar escolhendo muito se quero ter ou não, digamos, em 5 ou 10 anos. Ou eu tenho logo ou então bau-bau.

Terceiro, será que o "Senhor-meu-Deus" podia maneirar com a surra imposta ao meu corpo? Hello!!! Já estou no segundo trimestre, meses dourados, lembra? Muito agradecida.

Quarto, quando é que vão inventar a máquina de teletransporte, hein?