Ceci n’est pas une pipe

Thomas agora me chama de Mrs. Mamãe, posso?

****

Ontem na minha aula de fotografia, o professor estava passando um monte de slides e fazendo comentários sobre eles. Um deles era essa pintura famosa de Magritte, que mostra a imagem de um caximbo e os dizeres: “isto não é um caximbo” em francês.

O meu professor pergunta o que está dizendo e eu tão proficiente no francês *modo sarcástico ativado* respondo sem pestanejar, numa tentativa frustrada de tirar onda de que sei falar uma frase ridicularmente simples em outra língua. This is not a…. e engasguei, sem perceber que a palavra pipe que tem o mesmo significado em inglês estava escrita bem na minha frente. Às vezes a burrice se aloja de tal forma, ainda mais quando tenho que acordar às 7h da manhã…

Viro pra minha colega Claire e pergunto “Claire, comé que é mesmo o nome disso?”

E ela: “pipe”

Lembrem-se que eu estava no meio da uma tradução em voz alta.

E eu contino, aliviada: This is not a pipe (isso não é um caximbo)

E ela : “Não, não! Isso é um caximbo!”